[ BRUCE DICKINSON ] - Afirma que Steve Harris nunca falou sobre sua carreira solo

Em nova entrevista ao programa Streaming For Vengeance, do site BraveWords, o vocalista Bruce Dickinson afirmou, sem meias palavras, que o líder e baixista do Iron Maiden, Steve Harris, nunca falou e ou citou uma palavra sobre sua carreira solo. É importante relembrar que Dickinson possui seis álbuns de estúdio em sua carreira solo: Tattooed Millionaire (1990), Balls to Picasso (1994), Skunkworks (1996), Accident of Birth (1997), The Chemical Wedding (1998) e Tyranny of Souls (2005), sendo que o primeiro fora lançado enquanto integrava o Maiden. 

Compre com desconto o novo álbum Senjutsu, em CD duplo e vinil triplo


“A gente nunca falou sobre isso”, disse Bruce. “Eu cheguei mostrar, eventualmente, algumas músicas para ele, mas ele nunca curtiu muito. If Eternity Should Fail, que acabou entrando num álbum do Maiden, The Book Of Souls (2015), era para ter sido a primeira música do meu álbum solo, Tyranny Of Souls”, explicou o vocalista.

“A mesma coisas aconteceu com Bring Your Daughter To The Slaughter, que eu gravei com Janick [Gers, guitarra]. Completei a música, e Steve pediu que cedesse ao Maiden, e eu aceitei. A música acabou chegando à primeira posição das paradas. Mas o interessante é que não importa quem compõe ou toca a música, se é o Iron Maiden tocando, aquela canção vai soar como o Maiden, simples assim. Fizemos, por exemplo, o cover de Cross-Eyed Mary [do Jethro Tull], e soou como o Iron Maiden tocando Cross-Eyed Mary”, completou.


A entrevista completa (em inglês) vai ao ar neste sábado, dia 15 de janeiro. Para mais informações, acesse aqui.


 

Fonte: https://www.rockbizz.com.br/iron-maiden-bruce-dickinson-afirma-que-steve-harris-nunca-falou-sobre-sua-carreira-solo/


Sobre Iron Maiden Brasil

Iron Maiden Brasil

0 comentários:

Postar um comentário