[STEVE HARRIS] - "Quero transformar minha mansão num Hotel para os fãs"

Steve Harris diz que gostaria de transformar sua casa inglesa em um hotel  para os fãs do IRON MAIDEN.


O baixista do IRON MAIDEN tentou vender sem sucesso sua mansão de oito quartos em Essex nos últimos cinco anos. Ele originalmente colocou a casa no mercado em 2012 por £ 6,75 (Seis milhões e setecentos e cinquenta mil (aproximadamente R$ 27 milhões de reais), mas esse preço caiu em 2013 em £ 0,9 milhão, passando para o valor de  para £ 5,85 milhões de libras (aproximadamente R$ 23 milhões de reais) e em 2015 reduziu mais, chegando ao valor de £ 4,95 milhões de libras (aproximadamente R$ 20 milhões de reais).

Depois de flutuar no mercado imobiliário há quase quatro anos, a propriedade de nove hectares teve seu preço reduzido no ano passado para um valor ainda menor de £ 3,95 milhões (aproximadamente R$16 milhões de reais)

"Foi um pouco louco começar isso tudo, porque quando eu coloquei pela primeira vez [a venda], não estava realmente certo se eu queria vender", disse Harris à estação de rádio sueca Bandit Rock. "Porque eu estava [rodando] no exterior, e pensei:" Bem, eu não sei se eu realmente vou querer ficar no exterior ", então eu coloquei a  casa à venda por um valor absurdo e pensei que se alguém pudesse querer pagar essa quantia por ela, então eles são bem-vindos. Mas, aí, eu baixei o preço. Atualmente, é um preço mais razoável. "


Supondo que ele não venda a casa pelo preço atual, Harris tem um possível plano B em mente. 

"Em um mundo ideal, eu gostaria de transformá-la em um HOTEL BOUTIQUE, e acho que os fãs de MAIDEN iriam lá"

"Eu tinha um pequeno bar em Portugal - chamado Eddie's Bar - que já não está mais aberto, fechou alguns anos atrás. Mas as pessoas costumavam vir de todo o mundo apenas para ir a esse pequeno bar, e eu acho que talvez eles iriam para essa casa também. Porque nós também, gravamos alguns álbuns lá no estúdio - "Fear Of The Dark", foi gravado lá e alguns outros - e há muitas recordações lá e tudo isso. Então ... eu não sei."

"Esse seria um bom plano. Um hotel boutique ... Isso significa que eu ainda poderia ficar lá, o que seria ótimo. Seria um mundo ideal para mim, realmente. Sim, seria bom "

Harris, que fez uma denúncia em 2013, quando mais de US $ 8 mil dólares em bens e eletrônicos foram roubados de sua propriedade nas Bahamas, revelou que ele tem vivido na antiga colônia britânica nos últimos dez anos. Minha filha mais nova ainda está na escola lá" disse ele. 

"Ela ainda tem mais quatro anos de escola, então estaremos vivendo por pelo menos mais quatro anos até que ele termine a escola de qualquer maneira e aí eu vejo o que acontece depois disso. Esse também foi outro motivo - eu tive tantos problemas nas minhas costas , E pensava que estava indo pra um lugar mais quente e melhor, e na verdade isso hoje tem uma grande divergência."

Sobre sua decisão de se mudar para as Bahamas, Harris disse:

"Eu fiz 50 anos. Estava correndo num campo de futebol e congelando minhas articulações. Estava molhado, chuvoso, e eu pensei: Quer saber? Eu já tive o bastante. Fiz cinquenta anos da minha vida na Inglaterra com todo esse mau tempo. Vou sair daqui. Então, esse também foi outro motivo, entre outros. Mas eu simplesmente pensei: "É isso mesmo". Definitivamente ajudou com minhas costas e quase tudo, na verdade.”

Harris continuou:

"Eu sempre quis viver [nas Bahamas], de fato, porque fizemos álbuns no início dos anos 80 nos estúdios Compass Point - fizemos três álbuns lá, o 'Piece Of Mind', 'Powerslave' e "Somewhere In Time". E, em seguida, voltando alguns anos, e também fizemos 'The Final Frontier' ... Foi ótimo voltar [para a gravação de 'The Final Frontier'].

"Foi bom para mim, porque eu estava vivendo apenas no fim da rua - minha casa estava a cinco minutos do estúdio, então todos os dias eram perfeitos para mim. Tivemos muitos bons momentos lá. Desde quando fui pela primeira vez lá em 1983, pensei: "Um dia eu gostaria de morar aqui". Eu realmente gostei. Isso causou uma grande impressão para mim - o lugar e as pessoas e tudo. Então eu pensei: 'Um dia irei pra lá e eu fiz ".

A turnê mundial "The Book Of Souls" do MAIDEN começou no início de 2016 e voltou recentemente para a América do Norte.

"The Book Of Souls" foi o primeiro álbum de estúdio duplo do MAIDEN e o seu maior sucesso em matéria de gráficos até a data, estreando no 1º lugar em mais de quarenta países em todo o mundo e o No. 4 nos EUA.



Fonte: http://www.blabbermouth.net/news/steve-harris-wants-to-turn-his-english-house-into-boutique-hotel-for-iron-maiden-fans.html#VqkmvazA65hKe3Xm.99

Tradução: Verônica Mourão

VEJA A MANSÃO POR DENTRO




Sobre Verônica Mourão

Verônica Mourão

0 comentários:

Postar um comentário