BLAZE BAYLEY 2011: A Versão da banda

"É com pesar que confirmamos que a banda Blaze Bayley está acabada. Não foi nossa decisão ou desejo que a banda acabasse. A declaração de ontem não foi comentada ou perguntada a nossa opinião.Sobre os shows  de Maio/Junho que foram adiado para Dezembro -  Os promoters e produtores não foram informados até ontem , quando um grande fluxo de produtores e promoters estavam ligando para a banda após a declaração do manager do Blaze.

As declarações de problemas de saúde e financeiro que forçaram o Blaze a continuar sem a banda não são totalmente verdadeiros, para dizer no mínimo. A prova disso é que ele continuará na tour sozinho e com convidados que preencherão o que nos fomos contratados para fazer como uma banda e também contratado pela banda e também provavelmente usando as musicas escritas pela banda.

É pela grande consideração pelas pessoas que nos apoiaram incondicionalmente durante os últimos anos e 3 cd´s lançados que sentimos que é justo dizermos os verdadeiros motivos para a banda acabar.É obvio que é mais barato e fácil para um promoter transportar um único cantor e fazer-lo tocar com músicas aleatórios das cidades ou com músicos que fazem cover do Iron e tocam de graça, ou mais prestigio e dinheiro para o promoter e para o cantor contratado.

Nossa opinião é que os dois álbum de estúdio, escritos pela banda ( obvio que o Blaze não fez sozinho ) deveria ser promovido pela banda do que os músicos serem dispensados sem muitas opções ou escolhas para melhor ganho de um membro só ou para uma “namorada maneger”.

Não nos falaram a verdade  em qualquer momento desses planos desde Janeiro , e tem sido uma falta de respeito e consideração em nome desses 4 anos que trabalhamos no ramo musical, nos planejamentos, e no extenso e muito difícil ramo de tour que fizemos na Europa, Russia e America do Sul desde 2008.Todos nos continuaremos a escrever e a fazer música no futuro."

Nico, David, Jay

Tradução: Renata L.

Sobre Iron Maiden Brasil Noticias

Iron Maiden Brasil Noticias

0 comentários:

Postar um comentário