[ IRON MAIDEN ] - Steve Harris comenta sobre aposentadoria e atual set list da banda


Durante uma aparição na edição do “Trunk Nation” da SiriusXM, o baixista Steve Harris refletiu sobre o fato de que já fazem 19 anos que a banda lançou “Brave New World”. O primeiro LP de estúdio do Maiden desde o retorno do vocalista Bruce Dickinson e do guitarrista Adrian Smith também foi o primeiro álbum de estúdio da banda com seis integrantes, com Janick Gers, que substituiu Smith em 1990, e permaneceu no grupo.

“É incrível, realmente”, disse Harris. “Eu não sei o que está acontecendo com o tempo para que ele se passe rápido. É uma loucura. É assustador, realmente, o que aconteceu com o tempo.

“Sim, as turnês parecem estar ficando maiores e melhores. O que você pode dizer? É ótimo. Estamos realmente gostando disso. Todo mundo está gostando. Eu não sei quanto tempo ainda vamos fazer, por isso, todo mundo está de olho nisso. Estamos apenas aproveitando cada show. Estamos levando cada dia de forma natural, realmente “.

De acordo com Harris, ainda não houveram conversas sobre a aposentadoria do Iron Maiden em breve, apesar de todos os membros terem mais de 60 anos.

“Todos sentimos que, na hora que vermos que não estamos mais dando conta do recado, discutiremos isso e muito provavelmente será o fim”, explicou. “Mas no momento, não nos sentimos assim. Sentimos que definitivamente ainda estamos muito bem, por assim se dizer. Estamos indo bem. Eu não quero antecipar o destino, mas ainda estamos num bom nível."

Harris também falou sobre o setlist para a atual turnê “Legacy Of The Beast”, que foi inspirada no jogo para celular e quadrinhos da banda. O cenógrafo apresenta uma série de “mundos” diferentes, mas interligados, com um setlist cobrindo uma grande seleção de material dos 80’s com algumas surpresas de álbuns posteriores para adicionar a diversidade.

“Estou gostando muito de tudo”, disse o baixista. “Eu gosto de tocar músicas mais difíceis, ou técnicas, mas, novamente, eu estou realmente gostando de tocar ‘Flight Of Icarus’. Nós não tocamos-a por um longo tempo também. E nós estamos tocando um pouco mais rápida do que o álbum original, que eu acho que é o que deveríamos ter feito em primeiro lugar, na minha opinião, então eu estou gostando. O set todo é muito divertido de tocar. Eu não escolhi o set. Engraçado, normalmente, eu e Bruce escolhemos juntos, mas na verdade … achei que foi Bruce quem a escolheu, mas aparentemente foi o Rod (empresário) .Não importa de quem tenha sido a ideia, qualquer boa ideia é bem vinda"


Sobre Alexandre Temoteo

Alexandre Temoteo

0 comentários:

Postar um comentário