[ BRUCE DICKINSON ] - As 10 Libras que mudaram a vida do vocalista


Em uma entrevista recente com site sueco Talarforum, Bruce Dickinson falou sobre sua carreira como empresário e sobre como assumir a responsabilidade na construção de um negócio bem sucedido, tomando a vanguarda, sem deixar que os outros façam o real trabalho.

Bruce também falou sobre como gastou suas últimas dez libras para ir a um show de rock em sua juventude, o que eventualmente levou-o a encontrar as pessoas que o conectaram à cena de Londres, e onde em seguida, deu-lhe uma oportunidade com Iron Maiden.

"Eu tinha saído de casa e estava com apenas dez libras no bolso e era todo o dinheiro que eu tinha. Era uma noite de verão e eu andava pela rua procurando o banco de praça onde iria dormir. Tudo o que eu tinha trazido comigo foi uma pequena mala e eu realmente não tinha para onde ir. Enquanto eu procurava um banco adequado, eu me perguntava o que eu faria com minhas últimas moedas. Como posso investir minhas dez libras? Pensei, acho que vou pegar o metrô, comprar comida ... ou talvez eu deveria guardar o dinheiro? Depois de pensar sobre alternativas para um longo período, eu percebi que estava na frente de um clube de Rock, que ainda hoje existe, chamado Dingwalls. Eu sabia que algumas bandas iriam tocar lá e eu pensei que se eu estava dormindo em um banco do parque, pelo menos, você poderia ir tomar algumas cervejas. Então eu paguei a entrada com minhas últimas dez libras para assistir ao show e me encontrei com um velho amigo que já tinha tocado em uma banda. Ele trabalhava em casa como engenheiro de som. Eu disse que não tinha lugar para ficar e perguntou se eu queria dormir em seu sofá, não tive nenhum problema. Depois de morar com ele por uma semana, fiz outros amigos, e em seguida, essa história me levou a cantar no Iron Maiden. Então, o que parecia ser uma decisão quase insignificante, agora é um marco na minha vida. Você tem que assumir riscos, a fim de assumir a responsabilidade por sua vida e não ser pego em situações desesperadas."

Sobre Alexandre Rodrigues Temoteo

Alexandre Rodrigues Temoteo

0 comentários:

Postar um comentário