[ IRON MAIDEN ] - Quais as sobras de Virtual XI que entraram em Brave New World?


Em entrevista conduzida por Kevin Lomax, do site MaidenFans.com, o guitarrista Adrian Smith, do Iron Maiden, afirmou que quatro faixas escritas por Steve Harris para o álbum "Virtual XI" foram reaproveitadas em "Brave New World":

MaidenFans: "Após 'Virtual XI', Steve disse que quatro canções foram deixadas para trás nas sessões de gravação deste álbum, para que fossem utilizadas no próximo. Quais são elas?"

Smith: "Sim, você está certo. 'Nomad' é uma delas. As outras são 'Dream of Mirrors' e 'The Mercenary', mas não consigo me lembrar da quarta".

Agora, veja uma declaração de Lomax acerca do caso:

"Conduzi esta entrevista no Sanctuary London Music após uma prévia audição do álbum 'Dance of Death'. A entrevista foi com Adrian Smith. Tive medo antes de fazer essa pergunta, porque talvez Steve Harris tivesse dito 'não diga nada'. De qualquer forma, perguntei e ele disse 'Nomad' (que eu fiquei surpreso), 'Dream of Mirrors' (sem tanta surpresa) e 'Mercenary' (a pior faixa de 'Brave New World' vinda do 'Virtual XI', e isso era óbvio!). Ele não conseguiu se lembrar da quarta. E eu então perguntei se não seria 'Blood Brothers', devido a similaridade com a melodia de 'Educated Fool'. Ele disse que não. Ele chegou a pensar por um momento, mas não se lembrou. Talvez não quisesse responder.

Além disso, tive um rápido chat com Blaze Bayley em Istambul, antes de sua performance no festival Rock The Nations Istanbul (em que ele fez um dueto com Paul DiAnno). E nesse chat ele disse que escreveu algumas letras para 'Dream of Mirrors', mas Steve não lhe deu qualquer crédito no álbum. Quando ele percebeu isso, sentiu-se um pouco frustrado".

Em entrevista ao The Metal Voice, Blaze Bayley falou sobre músicas do Iron Maiden em que trabalhou e não foi creditado. Algumas entraram no álbum Brave New World, lançado pela banda após sua saída e o retorno de Bruce Dickinson. “Em ‘Dream Of Mirrors’, colaborei nas melodias e letras. Fizemos uma demo para ‘Blood Brothers’, estive muito próximo de Steve Harris durante a composição. Também há outras duas que acabaram ficando de fora. Estava convencido de que haveria um terceiro álbum comigo”.




Imagine agora, como seria o terceiro álbum de Blaze no Maiden, com as faixas 'Nomad', 'Dream of Mirrors' e 'The Mercenary' junto com as que o vocalista compôs para o Maiden, mas acabaram sendo usandas no "Silicon Messiah": "Ghost in the Machine", "The Launch", "Born as Stranger" e "Stare at the Sun".

Sobre Alexandre Rodrigues Temoteo

Alexandre Rodrigues Temoteo

2 comentários: