História das capas: Iron Maiden - o 1º álbum.


Por James Stafford - Loudwire.

O Iron Maiden não alcançou o sucesso da noite para o dia. O baixista Steve Harris formou a banda no Natal de 1975, e o álbum de estreia não deu as caras antes de 14 de Abril de 1980. Muitas coisas aconteceram durante esses quase 4 anos, incluindo várias mudanças de formação enquanto trabalhavam tanto em suas músicas quanto no entrosamento.

Para piorar, o Punk Rock estorou de vez. A Londres de 1976 era o lugar para estar. A energia, o estilo, e o "faça você mesmo" encharcaram a arte cultural da cidade. Foi excitante, mas empobreceu a cidade naquele momento da história.

Não foi somente em Londres também. A cerca de uma hora de viagem, na cidade costeira de Portsmouth, Derek Riggs, então com 18 anos, estava vivendo o movimento "faça você mesmo", ensinando a arte de desenhar após ser expulso da escola de artes. Sem pensar duas vezes, ele apanhou seus pincéis e desenhos e se mudou para a movimentada cidade. Riggs descreveu esse cenário para a Metal Sucks em 2010.

"Haviam milhões de desempregados; isso é muito para um país como a Inglaterra. Partes de Londres foram completamente degradadas ... Eu vivia em Finsbury Park - que agora está na moda - e edifícios foram literalmente caindo. Eles estavam cheios de posseiros. E esse foi o meu bairro. E isso é de onde o  punk rock inglês veio. Isto veio de um grupo de garotos que foram informados de que eles não eram nada, não seriam bons, nunca seriam nada".

Enquanto Riggs se aventurava no mundo da arte comercial, O Iron Maiden foi aumentando seu show com luzes de palco e um pouco de pirotecnia. A peça de resistência? Uma máscara de papel machê feito por um amigo que era da parte da iluminação. A banda chamava a máscara de Eddie, como um dos sotaques de Londres "Ed" e "Head" soavam  da mesma maneira. Durante os shows, quando a banda tocava a canção "Iron Maiden" o cara da iluminação fazia jorrar sangue da boca de Eddie com a ajuda de uma bomba de aquário.

Depois de um tempo, a banda mudou para uma cabeça de Eddie maior, de fibra de vidro, completa, com fumaça e luzes, mas vamos voltar para o nosso Riggs por um momento. O jovem artista estava tendo algum sucesso projetando capas de jazz e disco music para a EMI Records, mas seu coração estava na arte da ficção científica. Voltando em 2010, o artista recordou para Milton Keynes, da Cable Radio:

"Dois anos antes de eu conhecê-los [Iron Maiden], e antes deles terem um contrato de gravação ... Eu estava sentado sozinho no meu barracão tentando obter minha pintura. Eu estava fazendo um monte de trabalho em simbolismo, lendo um monte de livros, tentando descobrir o que era tudo sobre ... lendo um monte de livros de terror também ....

Havia uma ideia em que H.P. Lovecraft veio com que você pode tornar as coisas mais horríveis, colocando-as em seu próprio ambiente, em vez de levá-las para a Transilvânia ou em algum lugar. Foi no final dos anos 70 e o Punk era grande. Havia este conceito 'juventude perdida' por aí ... assim que eu projetei este personagem com cabelo punk, e eu pensei que eu vou colocar um cadáver em uma camisa, porque eu tinha uma imagem a partir da década de 1960 desta cabeça inoperante do americano preso em um tanque vietnamita. Isso é o que eles disseram que era, mas pode não ser verdade. De qualquer forma, eu pintei esta cabeça com cabelo punk e pendurei na parede de onde eu morava.




Eu costumava andar muito durante a noite, e veio a ideia deste muro que era tudo amarelo porque tinha luzes de rua acima dele, e a lua estava lá também ... que tinha um tom azulado. Era um contraste bastante impressionante, então eu usei".

Riggs nomeou a pintura terminada de "Matthew elétrico diz olá." Ele passou a arte para seu agente que "manteve-o por algumas semanas, em seguida, deu-lhe de volta e disse: 'Olha não acho que isso é muito comercial", Disse o artista no programa Fade to Black, de Martin Popoff. Ele colocou a pintura em seu portfólio e lá permaneceu, esperando para o cliente certo.

A grande chance do Maiden veio em dezembro de 1979. Quatro anos depois de Harris ter formado a banda, o Iron Maiden assinou contrato com a EMI sobre a força do agora lendário EP "Soundhouse Tapes". Eles entraram em estúdio em Janeiro de 1980, e duas semanas mais tarde seu primeiro disco completo foi feito. Agora, tudo o que eles precisavam era de uma capa de álbum.

Aqui é onde a "manteiga de amendoim Punk Rock" de Riggs colide com o "chocolate de metal pesado do Maiden" e a história deliciosa é feita. O gerente da banda Rod Smallwood viu alguns dos trabalhos do artista para outros clientes da EMI e pediu para ver sua carteira. Voltando para a entrevista de Milton Keynes:

"O Heavy metal tinha sido a forma mais impopular de entretenimento no universo por cerca de cinco anos e foi  começando a fazer um certo retorno. [Smallwood] tinha essa banda e ele sabia que ele queria capas ilustradas. Fui para o Wessex Recording Studios, onde eles estavam fazendo muito barulho e eles estavam todos lá.

Eu tinha colocado um monte de coisas na [minha carteira] e Steve Harris disse 'bem, eu não quero fotos de mulheres de metal' ... eu tinha esse estranho livro de quadrinhos de ficção científica comigo ... .de qualquer maneira, eles gostaram ["Mathew elétrico diz olá "], e eles disseram, para dar-lhe mais alguns cabelos e nós vamos querer isso".

Então o "Mathew elétrico" se tornou um amuleto para o Iron Maiden, e Eddie the Head agora tinha um corpo. A imagem mais duradoura do Heavy Metal tinha nascido.

Desde então, Eddie tem aparecido na capa de dezenas de álbuns e singles do Iron Maiden juntamente com inúmeras camisas, cartazes e outras mercadorias. Ele até apareceu em um jogo de vídeo game (Eddie Hunter).

Ao longo dos próximos doze anos Riggs criou todas as capas do Maiden, incorporando não só Eddie, mas as lâmpadas de rua a partir da capa do álbum de estréia. Ele rompeu com a banda em 1992 quando a banda estava trabalhando no álbum "Fear of the Dark", embora o artista tenha feito algum trabalho para o Maiden desde então, incluindo "Brave New World", de 2000.


Riggs também pintou a capa para o álbum solo do vocalista do Iron Maiden, Bruce Dickinson, de 1997 "Accident of Birth". O nome do personagem pouco desagradável da capa? Edison - o filho de Eddie.



A lenda continua...

Fonte: Loudwire








Sobre Alexandre Rodrigues Temoteo

Alexandre Rodrigues Temoteo

0 comentários:

Postar um comentário