[CURIOSIDADE] - Iron Maiden – O que eles fizeram em 2015


Todos sabemos que o Maiden teve que adiar seus planos referentes ao lançamento de seu décimo sexto álbum de estúdio (The Book of Souls) e a turnê mundial para divulgação do mesmo, para dar a Bruce Dickinson tempo para se recuperar de seu tratamento contra o câncer (iniciado em Janeiro de 2015). Mas o que os membros da banda fizeram nesse período?
Vamos deixar que eles mesmos respondam:

DAVE: “Bem, eu tendo a me manter ocupado. Porque temos estado em turnê por – quanto? – trinta anos, e apesar da excitação da turnê ser fantástica, quando estou em casa, eu procuro levar na boa. É o completo oposto de estar na estrada, quando você viaja o tempo inteiro, então, quando estou em casa, eu tendo a apenas relaxar, apesar de eu ter viajado pelos Estados Unidos. É engraçado, porque nós moramos numa ilha, então quando saímos de férias nós costumamos ir a museus e galerias de arte, e coisas assim. Nós fazemos o oposto do que a maioria das pessoas fazem – nós não vamos para a praia.
Eu posso facilmente achar coisas para fazer em casa, eu nunca fico sentado, entediado. Eu gosto de praticar esportes, como tênis e golfe, e basicamente ser uma pessoa normal. Mas eu ainda toco e, agora que sabemos que iremos sair em turnê em 2016, nós meio que estamos nos preparando para isso, aprendendo as novas músicas que estaremos tocando, e tentando ficar novamente em forma. Eu toco guitarra por uma hora, mais ou menos, todos os dias, apenas para manter minhas mãos e dedos preparados, mas agora, obviamente, eu vou começar a ir para a academia, para tentar ficar em forma para a turnê. Não temos mais vinte anos, então, para manter a energia da banda, precisamos estar em forma. Eu quero estar pronto para quando nos reunirmos, então estou trabalhando nisso. Estou ansioso pelo desafio de aprender as músicas novas, e realmente estou ansioso para cair na estrada e fazer a turnê com a banda. Iremos para lugares onde nunca tocamos e estou muito ansioso para isso também.”

ADRIAN: “Eu fiquei apenas na preguiça, mas quando eu paro pra pensar nisso, eu passei tanto tempo da minha vida correndo pelo mundo, subindo e descendo de aviões e entrando e saindo de hotéis, você tem que aproveitar o tempo livre, quando pode. Eu sinto falta de tocar ao vivo, no entanto. Eu tenho concentrado minha energia na banda do meu filho The Wild Lies. Eles estão se saindo muito bem e Mikee (Goodman, Primal Rock Rebellion) fez o vídeo deles. Meu filho gosta muito de música, e a banda é muito boa, na minha opinião.  Eu amo ver isso. Você sempre quer ter algo em comum com seus filhos, quando fica mais velho, e as pessoas tendem a seguir os passos dos pais, certo? É a vida, e isso é realmente gratificante.”

NICKO: “Eu apenas fiquei em casa e joguei muito golfe, e melhorei muito o meu handicap. Eu fiz algumas coisas no restaurante (Rock N Roll Ribs) e me envolvi com alguns projetos de caridade locais e também fiz alguns shows com a minha banda de covers, The McBrainiacs. Eles são apenas alguns amigos com quem eu toco aqui e fazemos uma porção de covers do Iron Maiden, e eles são muito bons, na verdade. Um par de bons cantores – não Bruce, obviamente. Isso me mantém em forma antes de eu cair na estrada com os caras outra vez. Então, tenho me mantido fora da cena. Obviamente, a coisa mais importante que fizemos foi apoiar Bruce, e mantivemos tudo em suspenso por um tempo. Mas não estamos preocupados com isso, estamos apenas muito felizes porque nosso amigo está bem, e agora podemos nos concentrar no futuro.”

JANICK: “Eu apenas levei uma vida normal. Com o passar dos anos, eu passei tanto tempo na estrada que é ótimo passar um tempo em casa, fazendo coisas normais, como levar o lixo pra fora. Eu só fiquei em casa e fui e voltei de Londres algumas vezes. Minha filha estava na universidade, na Austrália, e ela acabou de voltar, então é ótimo poder passar algum tempo com ela. Em geral, apenas sendo uma pessoa normal.
Estar em uma banda é meio como estar no exército. Você faz suas malas, se despede de seus amigos e desaparece por sete meses. Então, quando você volta, você precisa reentrar naquela sociedade, encontrar seus amigos, ver como eles estão. Eles seguiram em frente e estão fazendo coisas diferentes, e quando você volta, você sente como se tivesse estado em uma bolha. Eu toco o tempo todo, de qualquer modo, então não é como se eu tivesse parado totalmente, mas existem outras coisas para fazer em casa, ao redor da casa, que eu tenho que aproveitar pra fazer quando eu volto.”

STEVE: “Bem, eu terminei a turnê do British Lion, e tive que levar minha filha caçula de volta à escola, e fiz algumas outras coisas. Eu quero tentar lançar o álbum da minha filha, até porque já demorou muito para ser lançado, então tenho algum trabalho pra fazer aí. Também tenho trabalhado na edição de vídeo para o British Lion, e também para o Maiden. É engraçado, porque o Adrian me disse, recentemente: ‘Você nunca para, não é?’, e eu pensei nisso e disse: ‘Não, nunca paro!’. Sempre tem algo para eu fazer. E eu nunca iria querer que fosse diferente. De jeito nenhum.”


Fonte: IMFC Magazine 100.

Sobre Michelle Sanches

Michelle Sanches

0 comentários:

Postar um comentário